Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu filho dava um livro...

... e vários filmes!!! Num elenco de luxo, temos como protagonista Salvador, nascido a 28.04.2010, em cenários da vida quotidiana. Registado no nosso dia-a-dia, por isso aconselha-se alguma prudência quando imaginar as cenas descritas: são bem reais..

O meu filho dava um livro...

... e vários filmes!!! Num elenco de luxo, temos como protagonista Salvador, nascido a 28.04.2010, em cenários da vida quotidiana. Registado no nosso dia-a-dia, por isso aconselha-se alguma prudência quando imaginar as cenas descritas: são bem reais..

Noite de Odiar

Para se enquadrarem na conversa:

1 - Ontem o Pai arranjou-lhe uvas porque ele está sempre a pedir; Ele demorou 1 hora a comer uma uva e meia e acabou por dizer que não gostava de uvas;

2 - Como já expliquei anteriormente, o Salvador é mais "ver para crer", tendo uma certa dificuldade em entender conceitos de coisas que não se vêem, tais como a alma.

 

Posto isto, vamos ao episódio de hoje, fresquinho de há meia hora:

 

- Mãe, os Anjos têm pés? - pergunta ele enquanto segura na mão o Anjo que os tios e primos lhe deram quando ele nasceu.

- Esse tem.

- E os outros? - insiste.

- Também devem ter.

- Há mais Anjos?

- A Mãe acredita que sim - respondo já a não gostar muito do rumo da conversa.

- Pois... Mas eu não acredito.

- Como assim?

- Não acredito e pronto. Eu nem gosto de Anjos... - diz ele com cara de mau.

- Como assim? - pergunto eu à beira do histerismo e sim, a tornar-me repetitiva.

- Não gosto e pronto.

- E tu por acaso sabes o que é um Anjo para não gostares? - disparo.

- Os Anjos são coisas de bebés; eu já não sou bebé; eu odeio Anjos.

- NINGUÉM ODEIA ANJOS!!!! E são coisas de bebés porquê?

- Porque são... E eu odeio Anjos, ponto!!!

 

Nisto, sai do quarto e começa a descer as escadas para a sala.

 

- Não vais levar brinquedos para baixo?

- Eu odeio brinquedos! - responde com desdém.

 

Para mim já chegava.

 

- Pode-se saber porque é que esta noite odeias tudo?

- Porque sim, porque eu decidi.

- Ah, desculpa, não sabia que esta era a Noite de Odiar... - ironizo

 

Entretanto ele já estava na sala, e para dar um corte radical na conversa dirige-se ao Pai:

- E então, as minha uvas??? - questiona em tom de exigência.

- É preciso ter lata!!, depois do que fizeste ontem! - responde-lhe o Pai.

- Com um bocado de sorte, ainda acaba a dizer que também odeia uvas, não é senhor Salvador?

- Salvador Gaspar Militão para si, senhora!

- Mau, mau, Salvador, estás aqui estás a ver a macaca com a Mãe!!! - aviso.

- Macaca és...

- PSSTTT, queres um açoite? É que nem vale a pena dizeres que odeias que o apanhas na mesma!!!

- E se eu não o apanhar???

 

Sim, as conversas com esta criatura são como jogos de pingue-pongue, mas essa história fica para outra núpcias pois o amigo atreveu-se a voltar a perguntar pelas uvas ao Pai...

6 comentários

Comentar post